17 de dezembro de 2014

Resenhando Filme: Quero Matar Meu Chefe 2

Título: Quero Matar Meu Chefe 2 (Horrible Bosses 2)
Direção: Sean Anders
Gênero: Comédia
Duração: 108 min.
Lançamento: 4 de Dezembro
Após o trauma vivido no filme anterior, os amigos Nick (Jason Bateman), Dale (Charlie Day) e Kurt (Jason Sudeikis) resolvem abrir seu próprio negócio, de forma que eles mesmos sejam seus chefes. O problema é que, quando a companhia começa a deslanchar, eles sofrem um golpe do investidor (Christoph Waltz) que bancou o negócio. Sem o controle da empresa e sem ter como recorrer através dos meios legais, o trio decide partir para um ato desesperado: sequestrar o filho do investidor (Chris Pine), de forma a convencê-lo a devolver aos amigos o comando da companhia.

Nossos três protagonistas sofreram o pão que o diabo amassou com seus chefes no primeiro filme e ao conseguir se livrar deles, ou melhor, deixar seus empregos eles resolvem lançar seu próprio negocio, eles tentaram receber patrocínio de um programa de TV para iniciante de negócios, mas, deu tudo errado. Quando eles achavam que não teriam mais jeito, eles recebem uma proposta e decidem levar o negocio para frente.

Mas o que eles não esperavam era que o investidor fosse um baita mau-caráter, que só queria passar a perna neles, fazendo-os perder o controle da empresa. E para tentar reaver o poder da empresa eles resolvem sequestrar o filho do calhorda. E a partir daí que toda a confusão costumeira dos amigos Nick, Dale e Kurt começa!

Eu simplesmente adorei o primeiro filme, ri muito e me deixou com gostinho de quero mais. Esse segundo volume, foi maravilhoso para matar a saudades desse trio de amigos meio loucos e sem noção.

O filme tem ótimas cenas para dar risadas, mas, ele não conseguiu me surpreender e nem trazer qualquer novidade, mas com certeza ele cumpriu com o papel de divertir e causar boas risadas. As besteiras que o trio fazia, era impossível não morrer de tanto rir e as vezes de ter raiva.

Gente o que é o Jamie Foxx no papel de Motherfuck Jones? O personagem parece ter sido escrito para Foxx, ele se entrega no tom certo ao personagem que deixa ainda mais engraçado as cenas em que ele está presente.  Porém eu já achei que o Chris Pine não se encaixou bem no personagem que foi atribuído a ele, deixando o personagem sem vida e chato.

Quero Matar Meu Chefe 2 não surpreende, nem traz grandes novidades, mas fez bem seu papel como um sequência agradável, acima de tudo sem perder a essência dos personagens e isso foi o que mais me agradou no filme.

P.S.: "Roar" da Katy Perry é uma música para gente confiante;
P.S.2: Nunca maltrate sua empregada;
P.S.3: Gente a Jennifer Aniston tem 45 anos, que corpo é aquele?
P.S.4: Vamos lá! Burrice tem limites né?
P.S.5: Piadas reversas com loiras? Só eu achei preconceituosas?

Classificando:


Xo folks!

2 comentários:

  1. Vi o um, mto besteirol, mas até que ri bastante. Minha irmã viu esse e não gostou mto, disse que continua com muito besteirol, mas nem foi tão legal. Acho que não devo ver, sla, não to mto animada.. XD Bjo
    http://coisasdebelaa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Isabela!! Sua irmão não mentiu!! kkkkkkkkkkkkkkk O filme serve como boa sequencia porque ele não se leva a sério, mas como disse não acrescenta nada de novo e isso tira um pouco da bela e melhora que ele podia ter! Deixa para ver em casa quando sair em DVD!!!

      Xo

      Excluir