10 de abril de 2015

Livro x Filme: Insurgente


Oi gente tudo bem? Depois de ver o filme Insurgente e de ler o livro e escrever sobre os dois, fiquei debatendo internamente as proximidades e as "Divergências" de um para o outro e acabei não resistindo e resolvi trazer esse debate (meu) para vocês! Bom, essa não vai ser uma categoria muito recorrente, não sei quando ou se haverá uma próxima!

O filme é uma adaptação muito boa do livro isso é completamente inegável, mas fidelidade não é uma grande marca no mesmo, algumas situações foram modificadas, acontecendo de maneira, em local e momentos diferentes do livro, mas ainda assim, com essas mudanças o filme chega sem problema algum aos grandes arcos do livro.

Um grande problema encontrado em filmes (ou em sua maioria) é a compressão da história e de seus personagens, em certo ponto acredito que o filme levou bem a história e que alguns pontos que foram retirados não fizeram tanta diferença para a história, mas, sim senti falta de muita coisa e de uma ou duas coisas que para mim era importante, mas não encaixava no ritmo/proposta do filme, mas o maior pecado filme foi realmente a compressão da importância dos personagens alguns foram mal explorados um exemplo é Uriah que tem certa relevância no livro e no filme mal aparece, e o mais importante a forma de agir de alguns, como exemplo, vemos somente parte do novo lado de Tris mostrado no livro e quase não vemos o outro lado do Quatro que também podemos ver no livro.

A adaptação ainda que não tão fiel é gostosa, e a história a segue um ritmo interessante e constante, o produtores reconstruíram alguns momentos do livro e sim eles funcionam bem, algo a ser citado são as simulações que ficaram esplendidas, mas algumas conversões do produtores fazem quem vê o filme ter uma ideia diferente da que é transmitida no livro, como exemplo as intenções e atitudes tomadas por Jeanine quanto ao bendito segredo e quanto aos Divergentes.

Para um fã da série é realmente incomodo, para não dizer difícil, assistir ao filme, e ser imparcial na hora de falar é mais difícil ainda, mas, é tudo uma questão de gosto, alguns vão adorar ou ao menos achar que mesmo da forma que a história foi contada no filme é satisfatória, já que chega ao ponto chave do livro e outros vão simplesmente ficar horrorizados e dizer que o filme é um completo lixo. Mas que ainda assim, não vão deixar de ir ver Convergente no cinema quando o mesmo estrear.

Bom eu fico entre aqueles que ficaram satisfeitos com a forma que a história foi contada, na verdade, mesmo com toda a "diferença" o filme transmite bem a ideia geral do livro. Para as pessoas que não leram o livro antes de ver o filme (meu caso) o filme é realmente muito bom e mesmo com suas pequenas falhas no roteiro, cumpre seu papel, afinal de contas o que importa é atrair mais pessoas/fãs para a série e caso elas queiram mais informação, posteriormente elas vão recorrer ao livro. Quanto ao livro não tenho o que falar a não ser elogiar a destreza da Veronica em criar uma história tão maravilhosa!!

Xo

8 comentários:

  1. Fazer a comparação entre o livro e filme é bem complicado T__T Principalmente filmes de séries, eu sofro horrores com isso, hahudsah :P
    Que bom que Insurgente, apesar de não ser tão fiel ao livro, foi legal. Todos que assistiram, lendo o livro ou não, me disseram que foi ótimo.
    Eu ainda nem assisti e nem li, mas tô ansiosa :)

    ResponderExcluir
  2. Eu já compreendi as adaptações que ocorrem do livro para o filme! O livro pode ser perfeito, mas sempre vai ter as modificações quando passado para as telonas. Eu ainda não li Insurgente, mas sei que mudaram muita coisa. Então, quando eu for ler, já irei preparado para o que der e vier no filme. Eu não me incomodo mais com isso, porém eu acho revoltante quando mudam a personalidade do personagem ou quando algum personagem perca sua importância, como no caso do Uriah!

    ResponderExcluir
  3. Comparar o livro com o filme é tenso, eu amo ver as adaptações para o cinema mesmo que fique faltando uma coisinha aqui e ali mas tem alguns que são verdadeiras decepções (os 2 filmes de Percy Jackson e HP e o Cálice de Fogo). Ainda não assisti ao filme, mas sei que Insurgente está diferente mas espero que não seja outra decepção.
    E não acredito que o Uriah quase não apareceu, ele aparece bastante no livro e como você disse tem uma certa relevância. .

    ResponderExcluir
  4. Olá
    Comparações são sempre dificeis, eu geralmente me decepciono muito, já comentei na sua resenha que não li os livros, porque gosto dos filmes, então talvez, se eu ler os livros, tire o meu encanto pelos filmes sabe?
    Abraços
    www.estantedepapel.com

    ResponderExcluir
  5. Não são todas as adaptações que conseguem ser totalmente fiéis aos livros e isso é perdoável, já que é impossível seguir todos os detalhes de um livro de 300 páginas num filme de duas horas. Ainda não li os livros e nem vi o segundo filme, pretendo fazer as duas coisas em breve. Já sei que houveram modificações, mas sempre há, então nem me espanto.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Nunca li os livros, mas já vi os filmes.
    Bem, pra mim os filmes são legais fsjsbnfsaafs'
    Porém, conheço gente que leu os livros e viu os filmes e estão inconformadas!

    ResponderExcluir
  7. Em Divergente teve pequenas mudanças discretas até, mas em Insurgente já começou o barulho nas primeiras stills, clipes e afins. É uma pena ter pouco do Uriah :/ e a mãe do Tobias ser tão nova chega a ser estranho.
    Eu sou do time que é fresca com adaptações nem tão fiéis, não saio reclamando por aí, mas acompanhar o filme é uma tortura.

    ResponderExcluir
  8. Oi!
    Fui assistir Insurgentes sem muitas expectativas porque não tinha gostado muito de Divergentes mas o filme me surpreendeu gostei bastante da historia claro que em comparação ao livro o filme perde feio mais em comparado ao primeiro filme o segundo e bem melhor, alguns coisas me surpreenderam como a mãe do Tobias que imaginei totalmente diferente!!!

    ResponderExcluir