17 de agosto de 2015

Resenha: Black Para Sempre - Sandi Lynn

Título: Black Para Sempre (Forever Black)
Série: Forever #1
Autor: Sandi Lynn
Editora: Valentina
Ano: 2015
Páginas: 256
Livro cedido pela editora para leitura 
Quando Ellery se mudou com o namorado, Kyle, para Nova York, achou que pela primeira vez seria feliz, enterrando para sempre os dramas do passado. Ledo engano: um belo dia, o sujeito arruma as coisas e vai embora, alegando "precisar de espaço". Sozinha e deprimida, ela mergulha de cabeça na pintura, sua grande vocação, até que uma noite ajuda um belo e misterioso bêbado a voltar para casa de uma boate. Mal sabe ela que o homem é ninguém menos do que o cobiçado milionário Connor Black. Ao encontrar Ellery em sua cozinha na manhã seguinte, presumindo que ela infringiu sua regra número um e passou a noite lá, ele fica furioso, mas ela o enfrenta como nenhuma mulher jamais enfrentou, deixando-o intrigado não apenas com sua coragem e independência, mas também com sua bondade.
Entretanto, há uma tempestade a caminho. Ambos guardam segredos terríveis que podem destruir a relação tão rara e preciosa que construíram. Qual dos dois terá coragem de abrir o jogo primeiro – ou será que a própria vida fará isso de forma totalmente inesperada?
Sendo sincero eu nem conhecia a Trilogia Forever Black até a Valentina anunciar que tinham comprado os direitos dos livros, eu li a sinopse e gostei bastante do que li, restava apenas esperar a editora lançar o livro para poder enfim ler! E como acabei sendo selecionado como parceiro da editora, obrigado mais uma vez, não perdi tempo e o primeiro livro que solicitei foi o esperado Para Sempre Black.

Ellery se mudou de Michigan para Nova York com seu namorado Kyle, depois que ambos terem terminado suas universidades, na tentativa de deixar o passado triste para traz. Tudo corria bem até que num dia qualquer Kyle começa a fazer suas malas e decide deixar Ellery alegando que ele precisa de mais espaço e, além disso, ela sabe muito bem porque ele precisa tanto se afastar dela.
Eu estava diante da porta do quarto, vendo Kyle guardar suas coisas.
— Só preciso de um pouco de espaço — disse ele, atirando as roupas de qualquer jeito numa sacola Nike.
— Isso tem alguma coisa a haver com aquele putinha que você conheceu ontem no Zoe's?
— Elle, por favor, eu já disse que não aconteceu nada.
— Você me diz muitas coisas, Kyle. — Revirei os olhos.
Ele atirou as últimas roupas na sacola e se virou para mim.
— Nós dois sabíamos que nossa situação estava tomando esse rumo. Ela tem andado complicada há um bom tempo, e você sabe por quê.
Payton na tentativa de levantar o astral da amiga a arrasta para uma boate, e as coisas não poderiam estar mais chatas e monótonas até que Elle vê um lindo homem numa discussão nada amigável com uma mulher. Um certo tempo depois de muito dançar Elle resolve pegar um ar fora da boate e ao chegar lá vê aquele mesmo cara da discussão sendo expulso da boate tão bêbado que nem se mantêm de pé, num impulso Ellery resolve ajudá-lo e decide levá-lo para casa.
— Oi — atendi sonolenta.
— Estava dormindo? perguntou Payton um pouco alto demais.
— Só tirando um cochilo. — Bocejei.
— Acorda, mulher! Estou indo aí, para a gente ir a uma boate.
Ellery com muito esforço consegue levar Connor para casa, mas as coisas não param por ai, ele ainda da um pouco de trabalho a ela, tendo que levá-lo ao banheiro para ele por os bofes para fora e quando enfim consegue por ele na cama, ela acaba adormecendo ao sentar na cama dele para dar uma ultima conferida em seu estado. Na amanha seguinte ela acorda e nota que não deveria estar ali, mas ainda assim vai na cozinha preparar um café. Mas Connor acorda e já vai soltando os cachorros sobre Elle, que logo lhe explica o que realmente aconteceu e vai embora. Mas logo o caminho dos dois se entrelaça novamente e o destino mostra que um acaso nem sempre é um acaso.
— Não te disse as regras ontem?
— Hum? — Franzi a testa.
— Não aceito que ninguém durma aqui. Você devia ter ido embora depois que transei com você, portanto que fazer o favor de me dizer por que ainda está aqui, na minha cozinha, se comportando como se estivesse em casa?
Ellery é uma personagem sofrida, levou muitos baques da vida e tenta de toda forma fugir de seu passado, eu até gostei dela, as risadas que ela me proporcionou foram demais, Elle é muito cabeça dura, teimosa e as vezes infantil, mas foi exatamente isso que me divertiu nela, adoro personagens que se impõe, mesmo quando estão erradas.

Connor é exatamente a descrição do homem perfeito, bem fisicamente falando, lindo, alto, musculoso e rico, mas sua personalidade mandona que o faz bater de frente com Elle simplesmente me diverte, porque ele sempre abre mão das vontades dele pelas dela, e é exatamente isso que me fez gostar tanto dele a forma como ele pensa primeiro em Elle mesmo quando deveria pensar nele.

Payton a melhor amiga de Elle é o que realmente pode-se dizer de uma amiga quase irmã, desbocada e verdadeira, faz de tudo para que a amiga se sinta bem e feliz, ela também é um pouco doida, uma amiga mais que perfeita para um teimosa igual a Ellery.

Eu não sabia bem o que esperar da trilogia, só sabia que queria ler os livros desde o começo do ano, assim eu não li a sinopse do segundo livro e assim achei que os acontecimentos do primeiro livro acontecia muito rápido, mas ao ler a sinopse do segundo notei que aquele era realmente o ritmo certo do livro, pois, o próximo livro terá a visão do Connor dos acontecimentos de Black Para Sempre e não uma continuação.

Entendendo a situação consegui chegar ao consenso e caramba realmente me diverti com o livro, dei muitas risadas como as picuinhas de Elle e Connor, e o que também me agradou é que o livro não é tão sexual, admito que tem seus momentos hots, mas nada em exagero. Mas também não vou negar que mesmo dando boas risadas algumas atitudes da Ellery me cansaram, sua teimosia eterna e o orgulho inflado só trazia frustração, mas isso são apenas amenidades num livro que além de ser uma delícia de se ler é super divertido.

Black Para Sempre foi um boa leitura e sem duvida nenhuma me divertiu, a narrativa do livro é leve e rápida e sem sombras de dúvidas vai agradar os leitores do gênero. A capa do livro é belíssima, agradeçam a Valentina que fez uma capa diferente da original que era bem feia, a diagramação do livro é boa, dando destaque para as páginas que abrem os capítulos que possuem a imagem da capa, não vou negar que estranhei o livro vir em papel branco, mas ainda assim a leitura ótima e não tive problemas, a revisão também está muito boa e a fonte tem um tamanho excelente para leitura.

Classificando:

17 comentários:

  1. Nem eu conhecia a trilogia,achei a capa bem fofinha ^^ e gostei da resenha,beijos!

    ResponderExcluir
  2. Não sabia que esse livro era de uma trilogia, fiquei bem interessada, como adoro demais romances, pretendo começar a ler a trilogia.
    Sua resenha está muito boa.

    ResponderExcluir
  3. Oi Ali!
    Nossa, com aquele Acorda, Mulher! do texto lembrei de você hahaha
    Eu nunca tive interesse em ler estes livros, mas a cada resenha eu só me animo!! Sério, este livro parece ser muito bom! Tipo, eu amo quando o casal tem aquelas picuinhas, me divirto muito! Ainda bem que não é tão hot assim porque já estou cansando um pouco de livros somente focados nisto.
    Eu estou gostando bastante de livros que a sequência tem a visão do mocinho, como por exemplo Belo Desastre.
    Acho que dá pra termos uma verdadeira noção sobre os personagens e como eles pensam, suas atitudes e tals.
    Ai eu vou comentando e só querendo mais o livro!! hahaha
    Ele nem tava nas minhas preferências, mas agora está!
    Beijos!!
    umlugarparaleresonhar.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Confesso que a história em si não me agradou tanto, mas sim os personagens, que aparentam ser bem divertidos. Eu adorei saber que o próximo volume não vai ser uma continuação, e sim o ponto de vista de outro personagem, achei esse fato bem interessante!

    ResponderExcluir
  5. to querendo ler esse livro tem mttt tempo, amei tua resenha, e fiquei feliz que pelo menos pra vc a leitura deu certo...

    ResponderExcluir
  6. Gostei da sua resenha, o livro parece apresentar um romance divertido e cheio de encontros e desencontros. Eu não conhecia, uma ótima dica.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  7. Oi Alisson...
    Eu também não conhecia a trilogia, até a editora lançar.
    Normal mesmo um personagem nos agradando, sempre vamos ter algo que desagrada. Mas no fim a leitura foi bem divertida como você disse e claro que gostaria de ler o livro.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Estou doida pra ler esse livro, já tinha ouvido falar que a Trilogia Forever Black é ótima e quando fiquei sabendo que a editora Valentina ia publicar a mesma aqui, gostei muito e cada resenha que leio dele me deixa ainda mais interessada em conferi essa história.

    ResponderExcluir
  9. Sim, aquele comentário no twitter agora de pouco é pq eu tava lendo sua resenha. Ali, vc acompanhou minha leitura desse livro e viu o quanto eu fiquei frustrada com ela. Ao contrário de você eu não ri em momento algum e as brigas e picuinhas desnecessárias de Connor e Ellery só me irritaram a cada novo capitulo. Ellery não é só teimosa, é uma personagem bastante incoerente que pensa uma coisa e faz outra. Enfim, vou parar de destilar meu veneno com o livro aqui kkkkkkkk. De qualquer forma acho que já está mais do que provado que nosso gosto literário é completamente diferente!

    ResponderExcluir
  10. Olá
    Ainda não tinha parado pra ler sobre esse livro, mas com a sinopse e essa resenha é impossível não se interessar.
    Gostei dos personagens, fiquei muito curiosa pra saber os dramas do passado deles.
    Vou adicionar a minha meta de leitura.
    Ótima resenha

    Beijos

    www.facebook.com/ig.frasesdeumlivro

    ResponderExcluir
  11. Eu tb estranho qdo o papel é branco, me deixa um má impressao.
    Esse livro eu ja queria mto ler e a capa realmente está linda! Já vi as outras e achei todas mto lindas e combinando entre si.
    Romance eu ja adoro e esse realmente me deixou curiosa, principalmente pela protagonista ser dessas q tem atitude, adorooooo!
    Está na lista de desejados e espero que entre logo em promoção, hahaha.
    Bjus

    ResponderExcluir
  12. Também não conhecia essa trilogia. A história em si não me deu tanto interesse. Mas eu leria esse livro, pois é divertido e leve, e fiquei curiosa pelos personagens.
    E eu adorei esses dois últimos quotes, jdaijsidja.

    ResponderExcluir
  13. Não conhecia essa trilogia mais já vi que a Valentina AHAZOU! Tudo bem que eu tenho lido umas resenhas nada positivas, mas eu certamente daria uma chance, já que parece ser um livro daqueles que costumam me agradar. Um beijo!

    ResponderExcluir
  14. Oi Alisson,
    Me peguei rindo com a descrição do Connor <333 e fiquei fascinada em saber que o segundo livro é pela visão dela, acho muito bacana as séries/trilogias dessa forma. Já está na listinha haha.
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir
  15. Para mim também é novidade a trilogia Forever Black, nunca ouvi alguém falar da mesma antes. Mas, me interessei em alguns pontos citados em tua resenha e, com certeza, adicionarei esse livro para a lista de desejados.

    ResponderExcluir
  16. Confesso que o gênero do livro não é o meu preferido, e a premissa um pouco batida demais não ajuda a dissipar minha primeira impressão. Mesmo assim acredito que a protagonista seja uma personagem bastante interessante, forte e decidida, segura de si, sem medo de tomar as próprias decisões. Além disso, risadas e situações hilárias são sempre bem-vindas!

    ResponderExcluir
  17. Não tenho lido muitos NA (é NA gente?? Sempre confundo), mas essa série me interessou desde que soube a Valentina publicaria. Esse gênero me divide, pois tem algumas mocinhas por ai que são muito submissas, sempre levando esporro, foras e depois voltando as boas - perdoando fácil demais o galã. No entanto, nesse livro as coisas não parecem ser assim. Não é prioridade, mas está na minha lista de desejos.

    Resenha | A Herdeira
    Blog | Paixonites Literárias Xx

    ResponderExcluir