11 de agosto de 2015

Resenha: A Rainha - Kiera Cass

Título: A Rainha
Série: The Selection #0.4
Autor: Kiera Cass
Editora: Seguinte
Ano: 2014
Páginas: 70
Uma das personagens mais cativantes de A Seleção é a rainha Amberly, mãe do príncipe Maxon. Ao longo da série, descobrimos pouca coisa a seu respeito, e muitas dúvidas permanecem: como uma pessoa tão bondosa e gentil se apaixonou por um homem rígido e impiedoso? Por que Clarkson a escolheu, considerando que ela vinha de uma casta baixa e de uma província pobre? E qual era exatamente seu estado de saúde?
Chegou a vez de Amberly contar sua própria história. Em A rainha, disponível em edição digital, acompanhamos a Seleção anterior à de America Singer, quando Amberly foi ao palácio com outras trinta e quatro garotas para disputar o coração do então príncipe Clarkson. O leitor enxergará uma nova faceta do rei através dos olhos apaixonados de Amberly, entenderá melhor o relacionamento dos dois e conhecerá um pouco mais do passado dessa personagem tão encantadora — uma garota simples que provou que uma rainha pode vir de qualquer casta.
Vocês sabem que eu adoro os livros da série A Seleção e por mais que tenham vários livros da série nunca vai ser o bastante. Eu sabia que esse conto tinha saído, mas sempre esquecia de ler. Mas decidi ler logo e conhecer um pouco mais da rainha Amberly e de como ela é Clarkson se conheceram.

Amberly era apenas mais uma dentre as varias selecionadas, me ela ama o príncipe Clarkson desde sempre, a sua devoção a ele pode ser vista em seus olhos. Ela estava amando sua estadia no palácio lá era tudo tão lindo e ela era tão bem tratada, mas as dores de cabeça não paravam de aparecer e ela não entendia porque elas ainda apareciam com tanta frequência.
A quarta enxaqueca em duas semanas. Como explicaria uma coisa dessas ao príncipe? Como se não bastasse o fato de quase todas as garotas que sobraram serem Dois. Como se as minhas criadas já não estivessem se matando para dar um jeito nas minhas mãos calejadas. Em algum momento, precisaria contar a ele sobre as ondas de mal-estar que vinham de repente. Bom, se ele ao menos me notasse.
Mas foi por causa das enxaquecas que Clarkson reparou em Amberly, o príncipe acabou por encontrá-la durante uma crise forte, que a fez perder as forças nas pernas, ele a pegou no colo e a levou até a enfermaria e foi a partir desse momento que Amberly começou a conquistar o coração do príncipe Clarkson.
Eu perderia todas as oportunidades de impressionar o príncipe Clarkson se aquilo continuasse. E se eu não conseguisse participar da partida de croquet à tarde? Sentia meus sonhos escaparem entre os dedos. Seria melhor admitir a derrota logo. Doeria menos depois.
— O que houve?
Sobressaltada, levantei a cabeça e dei de cara com o príncipe Clarkson me encarando.
— Nada, Alteza.
— Você está indisposta?
— Não, claro que não — insisti, levantando. Foi um erro. Minhas pernas cederam e eu caí no chão.
— Senhorita? — ele perguntou, já ao meu lado.
— Sinto muito — murmurei. — Isso é tão humilhante.
Ele me pegou no colo.
— Feche os olhos se estiver tonta. Vamos para a ala hospitalar.
Amberly é simplesmente encantadora, o amor incondicional que ela sente por Clarkson, mesmo sem que ela realmente saiba muito sobre ele, é simplesmente um dos fatores que mais me encantaram nela. E a forma como ela age, mostra que ela realmente tinha que ser escolhida como rainha. 

Não deu para perceber muito de Clarkson nesse conto, mas algumas coisas sobre o modo ele agia com Maxon ficaram mais explicitas e fiquei meio chateado ao descobrir que ele também gosta de trota de morango assim como a America.

Ai gente que história mais gostosa de se ler, a Kiera Cass foi simplesmente maravilhosa ao nos entregar esse conto na visão de Amberly, ainda que pequeno, ele conseguiu ser tão emocionante e carismático quanto qualquer livro da Seleção.

A Rainha foi uma leitura mais do que encantadora, me atrevo a dizer que ela se faz necessária e serve perfeitamente para matar a saudades da série A Seleção. A Rainha está previsto para ser incluso no livro de contos Felizes Para Sempre que tem previsão de lençamento para outubro, o livro ainda trará outros extras.

Classificando:

14 comentários:

  1. OI Alisson..
    Eu não li a série ainda, mas também não sei se pretendo ler.
    Deve ser uma delícia mesmo ler, ainda mais sendo fã da história. Que bom que gostou tanto.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Eu já li a seleção e adorei os livros, já tinha visto esse livro no Submarino, mas ainda não tinha lido nenhuma resenha sobre ele, fiquei super interessada e quero ler, é bom conhecer um pouco mais sobre a história. Adorei a resenha.

    ResponderExcluir
  3. Eu não tenho muita vontade de ler os livros de A Seleção, por focar muito no romance. Mas espero não demorar muito para ler. Contos como esses que dá um gostinho á mais a história são maravilhosos. Adorei saber que você gostou, pois já faz com que eu possa comprar, quando for ler A Seleção hahha

    ResponderExcluir
  4. Ainda não li A Seleção, mas a história me interessa muito, pretendo ler, embora já tenha lido tanto sobre ela que praticamente sei quase toda a história. Não sabia deste livro, gostei de sua resenha e pretendo lê-lo também assim que conseguir ler a saga. =D
    Abraço!

    ResponderExcluir
  5. Ainda não os livros da série A seleção,apesar de ter comprado A escolha por estar em promoção kkkk mas eu to louca pra ler,e os contos também!

    ResponderExcluir
  6. Oi Alisson!
    Eu tenho muito interesse em ler este conto por dois motivos: Primeiro> A rainha Amberly é um amor!!!
    E a segunda é que eu quero descobrir como ela conseguiu se apaixonar por um idiota igual o rei.
    Eu ainda não sabia que eles juntariam os contos em Um livro, mas fiquei muito animada.
    Pesquisei a capa de Felizes para sempre e é lindaaa!!
    Beijos!!
    umlugarparaleresonhar.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Ainda não li nenhum livro dessa série, mas quero muito, parece ser ótima, só vejo resenhas super positiva dos livros.

    ResponderExcluir
  8. eu to querendo esse livro de contos, ainda nao li esse conta da rainha, estou a espera de ter os livros na minha mao! todos falam mt bem desse conto, e q o rei eh um amor (?) mas sla
    tonsdeleitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Eu quero muito ler esse conto d'A Seleção porque a rainha já é apaixonante ao longo da trilogia, né? Mas eu fico meio receosa em relação ao Clarkson, não sei se faz sentido, mas tenho medo de simpatizar com ele e esquecer tudo que ele fez ao Maxon. No sense, eu sei, hahahaha! Um beijo!
    www.raciocinacomigo.com

    ResponderExcluir
  10. Acabei de comprar a coleção da Seleção. Sempre achei mto linda a capa e de tanto o povo falar eu tinha que comprar pra conhecer esse mundo de America e Maxon.
    Esses livros extras eu acho taooo legal, da pra realmente matar a saudades mesmo... qdo eu comecar a ler a série toda, quero conhecer a visão de Amberly tb.
    JK podia fazer do harry potter, hahaa.

    ResponderExcluir
  11. Eu nunca li essa série, mas já sei muita coisa, uahahahha xD Eu não sabia que existia esse conto; antes de ler pensei até que se tratava da filha do casal do final... mas aí vi que é outra, e a da filha do casal é A herdeira. Que bom que vc gostou, é tão bom quando os autores nos dão a oportunidade de conhecer mais da história... esse ano vai lançar o penúltimo livro da série que eu gosto e eu já estou mal aqui D: jdisajijdsa

    ResponderExcluir
  12. Alisson, essa série é a que mais chama a minha atenção. Estou ansioso para lê-la já faz algum tempo, mas ando sem tempo. Assim que conseguir uma brechinha o lerei, assim como os outros livros da série.

    ResponderExcluir
  13. Oi Alisson,
    Não sou fã de distopias, então consegui evitar o impulso de ter essas capas lindas na minha estante haha. Pelo visto quem gosta da série amou ou vai amar esse livro né? Boa sorte com a espera do próximo.
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir
  14. Eu não li nenhum livro de A Seleção ainda, e admito que é um pouco de preconceito de minha parte com relação aqueles livros que vivem na boca de todo mundo. Até então não tive experiências muito boas, e isso me deixou com receio de começar essa série. Ao contrário de ti, não sei se foi só impressão, eu achei a protagonista indefesa demais pro meu gosto. E amor sem motivo, sei lá, não se torna muito verídico pra mim, infelizmente.

    ResponderExcluir