18 de agosto de 2015

Resenhando Filme: Que Mal Eu Fiz A Deus?

Título: Que Mal Eu Fiz A Deus? (Qu'est-ce qu'on a fait au Bon Dieu?)
Direção: Philippe de Chauveron
Gênero: Comédia
Duração: 97 min.
Lançamento: 6 de agosto de 2015
O casal Verneuils tem quatro filhas. Católicos, conservadores e um pouco preconceituosos, eles não ficaram muito felizes quando três de suas filhas se casaram com homens de diferentes nacionalidades e religiões. Quando a quarta anuncia o seu casamento com um católico, o casal fica nas nuvens e toda a família vai se reunir. Mas logo eles vão descobrir que nem tudo é do jeito que eles querem.



Quando vi a sinopse desse filme fiquei curioso para vê-lo, mas foi quando vi o trailer que decidi que tinha que assistir, claro que eu notei que o filme seria puro clichê, mas não resisti as vezes os clichês ate que da em coisa boa, por um milagre o filme entrou em cartaz em minha cidade então nem pensei duas vezes e fui conferir essa produção francesa.

Claude e Marie tiveram quatro lindas filhas, eles sempre foram católicos e muito conservadores, mas o mesmo não pode ser dito de três de suas quatro filhas, uma se casa com um muçulmano, outra com um judeu e a terceira com um chinês, os pais não veem esses casamentos com bons olhos, mas não há o que fazer com as escolhas das filhas, eles apenas tentam manter a compostura e tentam fingir que está tudo bem.

Mas não está tudo bem e tudo isso fica claro quando a família se reúne para um simples jantar e o bate boca é certo. Mas nem tudo está perdido, a família se une novamente para passar o natal juntos e o astral melhora e todos chegam a um consenso ou seria melhor descobrem os limites a não ultrapassar. Mas quando Laure decide falar aos pais que vai se casar eles logo perguntam: É católico? E ela responde orgulhosa que sim, mas não disse o principal, Charles seu noivo é negro.

Chega o grande momento do sogro conhecer seu genro e as coisas não poderiam ser mais estranhas entre eles, a partir desse momento os ânimos da família voltam a borbulhar, trazendo novamente a desordem entre eles, mas as coisa tendem a piorar quando a família de Charles chega para o casamento, o pai dele é tão intolerante quanto os pais de Laure.

Gente mas que filme bom! Eu ri do começo ao fim, ele é despretensioso, repleto de clichês é um fato, mas ainda assim é impossível não se divertir e dar boas risadas ao assisti-lo. Sim o filme aborta o preconceito, seja ele contra negros, muçulmanos, judeus ou chineses e isso é latente no filme é bem palpável, mas o interessante é que algumas pessoa mudam simplesmente por amor a outras como no caso um filho, e outras são intolerantes porque realmente nunca se abriu a possibilidade de conhecer a outra cultura/crença. 

O filme é uma comédia e trata o assunto como comédia, mas nem por isso trata o assunto de forma pejorativa, ainda temos outro fato a ser citado, esse é um filme francês e ele nos expõe uma situação existente lá, vi muitas criticas falando "o cara ser negro ainda é questão?", mas sim é uma questão ser negro, ser judeu, ser chines ou muçulmano, o filme mostra que ainda há preconceito por mais que se diga que não ele está lá sim velado.

Que Mal Eu Fiz A Deus? Foi um maravilhosa surpresa, não sabia bem o que esperar do filme, tinha apenas gostado do trailer o que não é grande coisa, mas o filme conseguiu me provocar boas risadas e ainda abordar de boa forma a temática trabalhada. Algumas pessoas assim como eu vão adorar e outras nem tanto. Antes que eu esqueça foi a primeira vez que vi um filme em francês legendado e caramba adorei!

Observações:
— Gente as piadas de mulçumanos, judeus e chineses são clichês, mas me acabei de rir;
— A Zumba até os franceses gostam;
— Homens, num instante querem derrubar e no outro já são amigos;
— Nunca confie em um peixe;
— Muita gente não gostou do pai de Charles, mas eu o amei, ri demais com ele;
— Nunca peça uma teta de nega quado for a França, é crime!!

Classificando:


13 comentários:

  1. OI Alisson...
    Não me lembro de ter visto um filme francês já, mas a propoposta desse é bem legal.
    E gosto de comédias e gostei de como é a trama desse filme. Uma ótima dica, vou procurar assistir.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. pelo o que parece, a historia parece que eh mt boa, fico feliz que tenha gostado,, eu quero ver agr! usahauh

    ResponderExcluir
  3. Ainda não o conhecia, mas vi que ele é bem divertido! Adorei sabe que o filme, apesar de engraçado, aborda vários tipos de preconceito. Espero assisti-lo em breve!

    ResponderExcluir
  4. Eu vi que esse filme ia ser lançado aqui no blog mesmo, pela sinopse já gostei, agora lendo sua resenha preciso assistir... rs... Ótima dica.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  5. Adorei a dica de filme.
    Não curto muito filmes de comédias, por que é muito difícil achar um que realmente seja engraçado, mas esse me pareceu bem divertido, pretendo assistir.

    ResponderExcluir
  6. Que bacana o filme ser em francês, não sabia!
    E eu estou estudando francês, com certeza vou ver o filme...
    Parece ser um comédia boa e dessas que traz elementos do dia a dia. E preconceito infelizmente está no nosso cotidiano, um dia isso vai acabar!
    Amei a dica, principalmente para eu poder praticar meu francês, hehe... bjus

    ResponderExcluir
  7. Por que não posso confiar em um peixe? kkkk
    Amo comédias legais,mas confesso que não sou muito fã de filme francês,mas vai que eu deixe isso de lado e assista a esse? hahah beijos!

    ResponderExcluir
  8. Oi Alisson ^^
    Ainda não tinha ouvido falar desse filme.
    Confesso que tento evitar as comédias que tem como protagonistas ou personagens superando os seus preconceitos pq vejo piadas que me incomodam bastante. Podem até ser engraçados de se escutar numa sessão de cinema, mas que se você for vê depois o filme sozinho vai se sentir insultado, mesmo que a piada não seja direcionada à você.
    Esse filme me lembra um pouco A Família da Noiva.
    Por esse filme, Que Mal Eu Fiz A Deus?, ser francês acho que vou dar uma oportunidade e vê-lo. A língua francesa é linda de ser escutada. ^^

    http://peregrinodanoite.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Eu fiquei curiosa com o filme, porque deve ser muito louco, hahahaha. Apesar de eu não gostar de filmes desse tipo, eu até assistiria. Eu não curto muito essas comédias que envolvam preconceito porque, por mais que seja levado pro lado engraçado, é um pouco estranho pra mim.
    Pq n posso confiar em um peixe? tô curiosa hahahahhaa xD

    ResponderExcluir
  10. Eu quero muito ver esse filme, cara! Já me acabei de rir vendo o trailer, tenho certeza que vou sair chorando da sala, kkkkk! Eu realmente não ligo pra esses filmes que tenham piadas preconceituosas porque acho que levar para o lado pejorativo vai de cada um. O filme em si parece ser realmente muito legal. Um beijo!

    ResponderExcluir
  11. Se eu ri com a ideia e gargalhei com o trailer, imagina com o filme! Já temos o próximo filme da sessão pipoca haha.
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir
  12. Pelo que me lembro, também nunca assisti um filme francês, assim como muitos. Que Mal Eu Fiz A Deus? é um filme que me interesso desde o post anterior, por seu título e postêr já era percebível o seu gênero: comédia.

    ResponderExcluir
  13. Como tu disse, o filme tem uma trama bastante clichê, mesmo, mas eu gostei muito das questões abordadas por trás de toda essa diversão, e mais ainda da forma leve com que o longa nos faz refletir sobre crenças, preconceitos e convivência. Com certeza eu veria o filme, sim!

    ResponderExcluir