17 de dezembro de 2015

Resenha: A Voz do Arqueiro - Mia Sheridan

Título: A Voz do Arqueiro (Archer's Voice)
Série: A Sign of Love #1
Autor: Mia Sheridan
Editora: Arqueiro
Ano: 2015
Páginas: 336
Livro cedido pela editora para leitura 
Cada livro da coleção Signos do Amor é inspirado nas características de um signo do Zodíaco. Baseado na mitologia de Sagitário, A voz do arqueiro é uma história sobre o poder transformador do amor.
Bree Prescott quer deixar para trás seu passado de sofrimentos e precisa de um lugar para recomeçar. Quando chega à pequena Pelion, no estado do Maine, ela se encanta pela cidade e decide ficar.
Logo seu caminho se cruza com o de Archer Hale, um rapaz mudo, de olhos profundos e músculos bem definidos, que se esconde atrás de uma aparência selvagem e parece invisível para todos do lugar. Intrigada pelo jovem, Bree se empenha em romper seu mundo de silêncio para descobrir quem ele é e que mistérios esconde.
Alternando o ponto de vista dos dois personagens, Mia Sheridan fala de um amor que incendeia e transforma vidas. De um lado, a história de uma mulher presa à lembrança de uma noite terrível. Do outro, a trajetória de um homem que convive silenciosamente com uma ferida profunda.
Archer pode ser a chave para a libertação de Bree e ela, a mulher que o ajudará a encontrar a própria voz. Juntos, os dois lutam para esquecer as marcas da violência e compreender muito mais do que as palavras poderiam expressar.
Esse foi um livro eu solicitei a Arqueiro no calor da emoção, não conhecia a autora, li a sinopse me agradei e resolvi solicitar, mesmo sabendo que ele tem uma pegada New Adult e nem sempre me dou bem com esse gênero, decidi dar uma uma chance ao livro/autora e fazer uma leitura livre de pré-conceitos.

Bree acaba de chegar Pelion, e alugou um pequeno chalé onde pretende ficar indeterminadamente, Bree está fugindo de seu passado, passado esse que tanto a assombra, e a faz perder o sono e ter terríveis crises. Ela espera encontrar na pequena e calma cidade a paz necessária para se reencontrar e por suas vida e seus sentimentos do volta nos eixos.
— Eu sei, me desculpe. Estou no Maine.
Eu tinha dito a Nathalie para onde estava indo.
— Bree, você simplesmente desapareceu. Santo Deus! Pelo menos levou bagagem?
— Umas poucas coisas. O suficiente.
Logo Bree conheceu sua vizinha, a Anne, um senhora muito bondosa e agradável, que acaba por dar uma dica de emprego a Bree, a lanchonete Norm's estava precisando uma nova garçonete e logo a Bree foi contratada. Numa ida a cidade para comprar alguns mantimentos a sacola com as compras de Bree rasga e ela vê todas as suas compras rolarem pelo chão, ela acaba recebendo a ajuda de um rapaz, ela tanta agradecer e iniciar uma conversa mas ele simplesmente foge.
— Bem obrigada pela ajuda, por vir em meu socorro... e dos meus... itens pessoais... meu chocolate com coco... e amêndoas... - Ri um pouco, envergonhada, e logo fiz uma careta. — Sabe, me ajudaria muito se você falasse alguma coisa e me livrasse do constrangimento que estou sentindo neste momento.
Curiosa com o misterioso rapaz ela recorre a Anne para descobrir sua identidade, logo ela descobre que aquele é Archer Hale, ele é basicamente um excluso da cidade, órfão e além disso é mudo. Bree fica cada vez mais curiosa sobre Archer e num golpe do destino ele acaba por conhecê-lo, quando sua cadelinha Phoebe invade a casa e Archer, logo eles se aproximam principalmente por que Bree sabe se comunicar através de línguas de sinais, então ela descobre que Archer não é nada do que o povo da cidade acha, e com a chegada de Bree, Archer começa a se abrir para o mundo e para possibilidades que ele nunca tinha conhecido devido a forma que vivia.
— Sim Archer Hale... lembro dele quando era um garoto no muito fofo. Mas agora ele não fala. Deve ser porque é surdo.
Bree é uma personagem que sofreu uma perda, e posteriormente vieram várias decepções que a fizeram fugir para tentar se encontrar longe de tudo e todos, principalmente de seu passado. O que mais gostei na Bree é que ela é bem madura, diferente de muitas mocinhas que a gente vê em muitos livros, ela só quer viver cada dia de uma vez.

Archer é definitivamente um encanto de personagem, assim como Bree ele tem um passado que o assombra e devido a ele e mais alguns fatores que ele acabou se excluindo da sociedade, mas Archer é inteligente, carismático, delicado, porém devido a forma que tem vivido ele é carente e muitas vezes dependente, além de ter um corpo escultural.

Travis é primo de Archer, sim ele é um Hale, assim como Archer ele é lindo, Travis se interessa por Bree logo que a conhece, Travis é meio convencido, tanto por ser policial, tanto por ter completa ciência de que ele é bonito e que chama atenção. Não fui muito com a cara de Travis, ele é um personagem com uma leve falha de caráter.

Então prometi uma leitura sem pré-conceitos e foi isso o que eu fiz, e o que acontece? eu simplesmente amo o livro, fiquei bobo com a forma agradável que a autora narra a história, fiquei meio bobo pelo livro ter me conquistado de tal forma, a leitura foi fluída e repleta de emoções, minha mãe me perguntou se eu estava bem umas três vezes (quando ela leu o livro entendeu minhas reações) o romance de Bree e Archer é tão bem trabalhado, nada muito rápido e nem devagar, mas as melhores partes do livro são as descobertas e reflexões que ambos os personagens fazem sobre si. Ahh como um bom NA tem cenas picantes, não achei nada exagerado. O direitos do livro foram comprados, quero só saber como vão fazer quando eles estiverem falando em língua de sinal, independente disso eu vou ver o filme sem dúvidas.

A Voz do Arqueiro foi uma bela surpresa, por que estava evitando o livro a um bom tempo achando que a leitura não seria agradável, mas ela se mostrou melhor do que esperado e isso me deixou realmente muito feliz e satisfeito, tanto que solicitei O Coração do Leão, segundo livro da série Signos do Amor. A capa do livro bonita, principalmente o modelo usado nela, a diagramação do livro está boa, não encontrei nenhum problema com a revisão e a fonte tem um bom tamanho para leitura.

Classificando:

12 comentários:

  1. Bom, vc já sabe eu definitivamente não gostei desse livro, bom, na verdade, a história é bem interessante e sim, a escrita da autora é fluída. Mas ao contrário de você já li muitos NA's e esse me pareceu só mais um, não sei explicar, mas a autora coloca personagens que são necessários em determinado momento e não os desenvolve, eu achei as cenas sexuais explicitas sim, e achei a protagonista, apesar de bem construída, muito sei la´. Enfim, depois le minha resenha e vc vai entender kkkkkkk http://blogliterata.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Assim como você não gosto muito de NA, mas esta série me deixou curiosa pela criatividade, dedicar um livro para cada signo do zodíaco. Gostei do enredo deste livro, mesmo o romance começando meio clichê, o mocinho que ajuda a mocinha quando ela derruba as compras. Fiquei muito intrigada com o Archer, curiosa para descobrir seu passado. Acredito que gostarei da leitura tanto quanto você. Parabéns pela resenha.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  3. Como gosto muito de zodíaco, desde que vi A Voz do Arqueiro entre os lançamentos e vi que era inspirado no signo de sagitário fiquei interessada e estou muito ansiosa para o lançamento do livro inspirado no meu signo.
    Lendo um pouco mais sobre A Voz do Arqueiro na sua resenha, o livro parece ser muito bom, e como tem romance fiquei interessada, pretendo ler em breve.

    ResponderExcluir
  4. Parece ser legal, mas fiquei mais interessada pelo livro O Coração do Leão.
    Gostei muito de conhecer seu blog, pois estou conhecendo livros bem interessantes!

    ResponderExcluir
  5. Se eu olhasse esse livro na prateleira jamais pegaria para ler.
    Não gosto quando o livro mostra o corpo da pessoa dessa forma... traz já um esteriótipo. Menos pele gente, *menas*...
    Achei sua resenha sensacional e fiquei muito a fim de ler.
    Este livro traz algo super novo.
    Ouvir e não falar... angustiante e ao mesmo tempo incrível.
    Não imagino como seria conviver com alguém assim.
    Todos achando que ele é mudo (é isso, né. pelo que entendi todos acham que ele é mudo e ele não é) e na verdade ele ouve tudo que os outros dizem e fala só não quer. Ele só se fechou para o mundo devido a dor. Que lindo isso. Só um amor para curar, né?
    Adorei e quero muito ler. Bjs

    ResponderExcluir
  6. Gostei da resenha do livro, e já como eu adoro romances não poderia deixar de não ler, gostei também dessa ideia da autora de escrever os livros baseados nos signos do zodiaco.

    ResponderExcluir
  7. Olá!!
    Noossa sério que os livros são inspirados nos sígnos do zodíaco??? Então serão doze no total? #choquei
    Achei bem interessante o livro, principalmente pelo fato de Archer ser mudo, mas também tem o fato dele ser carente, e isso eu não gosto rsrs espero que não seja aquele carente chato.
    O livro parece ser legal, não é um que me deixou louca para lê-lo mas se tiver a chance vou ler sim.
    Bjokas!

    ResponderExcluir
  8. Hello!
    Para começar que capa lindaaaaa da Voz do Arqueiro, e a ideia de ter mudo na história me deixa intrigada de como vão ocorrer os diálogos e tudo mais.
    Estou louca pra conhecer Archer e toda a sua historias e sua vida
    Ainda bem que você não desistiu e resolveu ler, pelo jeito valeu mtooo a pena.
    Beijos.

    ♥ Blog Livros e Sushi ♥
    https://livrosesushi.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  9. Oi!
    Esse livro me conquistou desde a primeira sinopse que li dela, e preciso ler adorei a historia que achei linda e os personagens que são cativantes e gostei que a autora trabalho o romance da Bree e Archer e não jogou de uma vez, parece que fez a historia ainda mais encantadora !!

    ResponderExcluir
  10. Então encontramos mais uma família para arrancar nossos suspiros <333, já amo a família Hale haha, embora não acredite em signos, achei bem interessante esse livro, vai ser uma série que pretendo começar (em um futuro um pouco distante haha).
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir
  11. Que legal ele ser mudo! Nunca tinha visto um livro com um personagem assim e deve ter ficado bacana na historia! Eu não tinha interesse nesse livro mas acho que agora tenho viu

    beijo

    ResponderExcluir
  12. Eu não dou nada para esse livro, olhando a capa e tal :3 mas eu sou extremamente curiosa em relação ao romance de Archer e Bree, por ele ser um rapaz mudo e tal... isso deve dar uma diferenciada bacana no livro em relação aos outros do gênero. Além do mais com tantos elogios é um pouco difícil ignorar a curiosidade.

    ResponderExcluir