13 de janeiro de 2016

Resenha: Eva - William P. Young

Título: Eva (Eve)
Autor: William P. Young
Editora: Arqueiro
Ano: 2015
Páginas: 240
Livro cedido pela editora para leitura 
Fruto de mais de 40 anos de pesquisas, fiel aos textos bíblicos originais e com uma narrativa primorosa, Eva apresenta um ponto de vista humano e reconfortante de um dos episódios mais tristes das Escrituras: o momento em que o homem vira a face para Deus e é expulso do Paraíso.
Com sua capacidade única de emocionar e fazer refletir, o autor trata de temas como perda, culpa, perdão e redenção, e cria uma alegoria sobre a importância de nossas escolhas, a verdade de nossas origens e o poder transformador do amor de Deus.
Quando vi a capa do livro eu logo fiquei interessado na leitura e quando eu vi quem era o autor foi ai que fiquei ainda mais interessado, eu adorei o livro A Cabana, bom até onde eu lembro eu gostei rsrs, então logo solicitei o livro a Arqueiro para resenhar aqui pro blog.

John é um catalogador, sua função e catalogar todas as coisas que chegam de outras terras pelo mar, ele recebe a notícia de que um grande contêiner foi encontrado flutuando no mar, logo ele se prontifica a cumprir com seu papel, mas logo ele descobre que haviam pessoas mortas no contêiner, que já haviam sido retiradas, mas ainda assim o deixou transtornado com a loucura que aquilo tudo era.
— Letty?
As palavras dela foram escolhidas com cuidado.
— Um grande contêiner de metal foi visto flutuando no mar hoje cedo. Nós o puxamos para a areia e o abrimos. Os sábios afirmaram que ele veio da Terra.
Não é a primeira vez que isso acontece — comentou John.
— Lá dentro havia restos mortais de doze seres humanos, todos jovens do sexo feminino. Com exceção de um.
John já tinha começado o seu trabalho no contêiner, quando ele notou uma placa de metal, ao olhá-la mais de perto notou que ela abria, ao abrir a porta John encontra o que mais temia, havia um corpo de uma adolescente la dentro, mais tarde John descobre que ela ainda está viva e agora estava sendo tratada, já em tratamento a garota a corda e começa aos poucos a interagir com John.
— John! Aquela garota que você encontrou está viva! O estado dela é muito grave, mas ela ainda vive! O homem abriu um sorriso radiante e o abraçou outra vez. — Você é um descobridor agora John! — exclamou o Puxador. — Quem poderia imaginar?
Lilly não lembra de nada, não sabe de onde veio e nem lembra de seu passado, mas durante seus sonhos ela tem recebido as visitas de Eva, que lhe mostra como se deu o início de tudo, Eva também a explica que ela é uma testemunha e que a função dela e ver tudo para poder relatar o que viu. Mas Lilly fica confusa achando que está louca e que não é merecedora de ser uma testemunha escolhida pelo próprio Deus para ver o início.

John é um senhor, carinhoso e atencioso que ao saber que a garota encontrada no contêiner está viva fará de tudo o possível para que ela se recupere e para que ela aos poucos ele se lembre de quem é, e que ela aceite seu destino como uma testemunha.

Lilly é uma personagem interessante, ela não se lembra de seu passado, mas ela se mostra inteligente, um pouco desconfiada no início, mas com o passar do tempo ela vai se abrindo e se mostrando uma personagem cheia de camadas a ser retirada para que possa entendê-la

Gente como eu bem desconfiava eu tive que ler o livro inteiro para enfim descobrir a real mensagem que ele queria transmitir e posso dizer que a mensagem é muito bonita, fiquei realmente encantado e surpreso com o final do livro. Achei o livro um pouco cansativo mas nada que o torne ruim, o que gostei nele foi que ele me provocava emoções, raiva, tristeza, nervosismo, expectativa e amo quando livros me deixam tais impressões. Mais um livro muito bem escrito e cheio de significado do William.

Eva foi uma ótima leitura, intensa e envolvente como eu já esperava, mesmo tendo como como base uma história religiosa o livro é muito bom! A capa é linda com o toque aveludado a parte da maçã envernizada, não encontrei nenhum problema com a revisão, a diagramação do livro é boa e a fonte tem um tamanho agradável para leitura.

Classificando:

6 comentários:

  1. Já quero ler!
    Eu gostei muito do livro A Cabana e vim ler a resenha por ser do mesmo autor...rsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nanda!! Leia se gostou de A Cabana você vai gostar desse!!

      Xo

      Excluir
  2. Não tinha reparado que este livro era do mesmo autor do livro A Cabana. Gostei da premissa do livro, acho que gostaria da leitura. Gostei da sua resenha, me deixou ainda mais curiosa para conferir os detalhes desta obra.
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mayla!! A premissa do livro foi o que me conquistou hahaha e gostei muito do livro!!

      Excluir
  3. Oi Ali,
    Também lembro de ter gostado de "A cabana", achei interessante a maneira como o autor escreve e fiquei interessada nesse livro, acredito que será uma leitura diferente das que eu já fiz haha.
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lari eu acredito que sim será uma leitura diferente e sem dúvidas muito interessante o livro é muito bom!

      Xo

      Excluir