28 de junho de 2016

Resenha: Confissões de Uma Garota Excluída, Mal - Amada e (Um Pouco) Dramática - Thalita Rebouças

Título: Confissões de Uma Garota Excluída, Mal - Amada e (Um Pouco) Dramática
Autor: Thalita Rebouças
Editora: Arqueiro
Ano: 2016
Páginas: 272
Livro cedido pela editora para leitura.
Tetê acaba de se mudar com a família toda para Copacabana, no Rio de Janeiro, para a casa dos avós. O lindo e espaçoso apartamento da Barra da Tijuca em que morava teve que ser vendido, pois com a crise o pai foi demitido, e o resultado é que a vida dela virou de cabeça para baixo. Além de perder a privacidade, tendo que dividir o espaço com cinco parentes malucos que brigam o tempo todo, ela perdeu todas as suas referências. A única coisa que a deixa feliz é cozinhar. E, claro, comer as delícias que faz.
O lado bom foi se livrar do antigo colégio, no qual sofria bullying por causa de seu jeito peculiar. Sem contar sua desilusão amorosa... O problema é que ela está apavorada, porque agora tudo será novo e estranho, com o ensino médio, com a nova escola, e sem conhecer ninguém. E morre de medo de ser excluída ou de sofrer bullying novamente. Ela está bem mal, para dizer a verdade. Ou talvez seja um pouco de drama, porque já no primeiro dia as coisas parecem ser um pouco diferentes... Pelo jeito, tudo vai mudar, e para melhor.
Eu nunca em minha vida tinha lido um livro da Thalita Rebouças e sei que ela faz um super sucesso com seus lançamentos, mas ainda assim não tinha tido a oportunidade, mas a Arqueiro divulgou esse lançamento e assim que bati o olho na capa do livro eu tinha decidido que lereia ele de qualquer forma e assim solicitei o livro para editora para ler e resenhar para vocês claro.

Teanira, ou Tetê como prefere ser chamada, e com razão que nome terrível rsrs, é um tipica adolescente de 15 anos, com seus problemas e tal. Tetê vive como se fosse invisível em sua escola, ninguém repara nela e quando reparava era para dar apelidos maldosos e assim ele não faz nenhuma amigo e aos 15 anos ainda em BV! E com isso ela sofre, principalmente por não ter amigos.

Mas alguns problemas familiares acontecem e Tetê e seus pais se mudam para a casa dos avôs dela e assim ela inicia em uma nova escola e logo já sofre em antecipação, com medo de sofrer a mesma coisa que sofria no antigo colégio, mas logo no primeiro dia ela conhece Davi e Zeca, e ela fica completamente maravilhada por já esta falando com duas pessoas, duas pessoas que repararam nela e foram gentis!!!

O primeiro dia de aula ela também conhece Erick, uma maravilhoso Deuso que estuda na mesma sala que ela, mas logo seu mundo rui quando ela descobre que ele namora uma garota Valentina, que é super insuportável e maltrata todo mundo. A mudança de escola vai provocar mudanças, mudanças que ela nem imaginava que iria acontecer.
— Volta no fim de semana que vem se quiser fazer as umas luzes. Te dou um hidratação de presente depois — ofereceu Tiago.
— Fofo! Nem sei o que dizer...
— Diga sim. Sou o melhor de luzes aqui dentro. E fora daqui também.
— Gente, onde você e o Zeca compraram essa autoestima tinha mais pra vender? — brinquei.
— Amor, se a gente não se ama ninguém ama a gente. Fica a dica — ensinou Tiago.
Tetê é completa e insanamente louco, brinks gente não é não, ele sofre de baixa estima, se acha a pior pessoa do mundo, mas com o passar da história ela vai amadurecendo, e mudando a forma que ela se vê e a forma como ela vê o mundo, mas ainda assim ela não perde o carisma e a malemolência. Aí gente ela é meio doidinha sim eu nunca ri tanto com as bobagens que um personagem fala como ri com a Tetê.

Zeca é um dos melhores amigos da Tetê, logo no primeiro dia ele já da uma direta nela falando da sobrancelha dela kkkkkk, sim ele é gay <3, aos poucos Zeca vai domando a teimosia da Tetê e fazendo ela mudar e assim se enxergar como uma pessoa bonita, ele também se torna o maior cúmplice dela estando sempre ao lado dela quando a mesma precisa e gente ele me fez rir tanto, mas tanto as tiradas dele são maravilhosas.
— Parou Tetê! Parou! Não vou deixar você ficar enumerando assim os seus defeitos. Vamos tomar um sorvete de Nutella? Tudo passa depois de um sorvete de Nutella.
— Pode ser outro sabor? Não gosto de Nutella.
— O que? Quem não gosta de Nutella? Nossa, isso sim faz de você uma garota esquisita! Cruzes!
Muitos outros personagens se fazem importantes para a trama, como os avós e os pais da Tetê que vivem deixando ela louca, o Davi um dos amigos dela que sempre também está ao lado dela, a Samantha um garota da sala dela, assim como o Erick e a Valentina também são.
— Vó, você acredita que o biso PAGOU a Elisângela, filha do porteiro, pra ela ser minha amiga?
— Seu biso fez isso? — perguntou ela, chocada.
— Fez!
— Inacreditável! — reagiu vovó.
— Exatamente! Inacreditável! — eu repeti indignada.
— Como é que ninguém pensou nisso antes! — vovó exclamou com um sorriso.
Meu Deus gente!! eu não dava nada pelo livro quando eu comecei a ler sendo sincero, mas com o passar da leitura a história me envolveu e cativou e eu me entreguei a ela, e caramba eu nunca ri tanto com um livro em minha vida, os personagens são super bem escritos e carismáticos, e a narrativa super fluida e gostosa. Como disse nunca tinha lido nada da Thalita, e digo gente, amei esse livro. É inegável que ele beira a infatibilidade, mas venhamos e convenhamos é um livro sobre uma garota de 15 anos né? 

O que mais me agradou no livro é que ele é verdadeiro sabe, tudo o que acontece nele acontece em toda e qualquer escola que você entrar, e isso é o que torna a leitura do livro tão valida. Outro ponto muito positivo (ao menos pra mim) é o uso de uma linguagem mais jovem e o uso da cultura pop, isso sem dúvidas chama atenção do publico alvo do livro, isso sem contar em todas as receitas que o livro traz, afinal a Tetê ama cozinhar. Só vou uma última coisa, mas que nome gigante esse livro tem meu povo, mas tem tudo haver com a narrativa!!

Confissões de Uma Garota Excluída, Mal - Amada e (Um Pouco) Dramática foi uma das leituras mais divertidas e com mais significado que li esse ano, sua mensagem de amor próprio, amizade e antibullying me fez amá-lo, e sem sombras de duvidas irá agradar o publico alvo e arisco a dizer que muitos pais deveriam lê-lo pois ele é ótimo e passa boas dicas do que seus filhos adolescentes passam na escola. Essa capa maravilhosa desse livro? Ele tem uma textura acamurçada e os detalhes da capa são todos envernizados, a diagramação do livro é maravilhosa e fofa demais, não encontrei nenhum problema de revisão e a fonte é maravilhosa, amo a fonte usada no livro.

Classificando:

3 comentários:

  1. Oi, Alisson! Caramba, como opiniões são diferentes, né?! Ontem mesmo li uma resenha desse livro que dizia que o bullying foi tratado de um jeito menos sério, sabe?! Como se fosse engraçado e nada demais. Fiquei decepcionada, exatamente pelo fato da autora ter um público adolescente tão grande. Sua visão foi beeem diferente, fiquei aliviada.

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderExcluir
  2. Oi amigo!

    Olha, eu lia altos livros da Thalita Rebouças quando era mais nova. Aquela série mesmo, "Fala Sério, etc!", li toda e quase morria de amores. Hoje em dia não sei se acharia a mesma graça porque apesar de ser como você, ter quase 19831237 anos nas costas e ainda amar um YA, tô preferindo livros mais adultos, digamos assim. E sim, a Thalita tem o dom de criar livros super verdadeiros, com personagens carismáticos e engraçados. <3

    Beijo!
    http://www.roendolivros.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Eu tô querendo muito ler esse livro e pela resenha ele parece ser o que espero mesmo. Já li muito livro da Talitha, mas narrativas mais elaboradas é difícil mesmo de ela fazer. Um parecido com esse, mas mais complexo e que acho que você vai gostar é ''Traição entre amigas''. Experimente xD

    ResponderExcluir