9 de novembro de 2016

Resenha: Amor Roxo - Rafael Vitti / Júlia Oristanio

Título: Amor Roxo
Autor: Rafael Vitti / Júlia Oristanio
Editora: Seoman
Ano: 2016
Páginas: 120
Livro cedido pela editora para leitura
Rafael Vitti, ator, poeta, músico e 'arteiro' (como ele mesmo se define), autor do best-seller de poesias “Quer se ver no meu olho?”, está de volta em Amor Roxo. Agora ele encontrou o amor, ou melhor, Julia Oristanio, sua namorada, musa inspiradora e parceira neste segundo livro. Uma história de amor em poesia ou uma poesia que é uma história de amor, escrita a quatro mãos, onde cada um dos autores conta em poemas sua visão do 'antes' e do 'durante' de um relacionamento. Coração aberto, intimidades reveladas, estas poesias vão arrancar suspiros das fãs mais apaixonadas.
Eu recebi esse livro do Grupo Editorial Pensamento, na verdade eu nem o solicitei, mas logo percebi que era uma divulgação do mesmo, e que nem era preciso realmente resenhar ele aqui pro blog, mas ainda assim decidi  fazê-lo, pois vi muita gente falando dele e vi várias fotos de eventos e fiquei bem curioso.

Inicialmente tenho que dizer que não sou grande fã de poesias e isso foi um dos fatores que me fizeram pensar em não resenhar o livro, mas ao fazer a leitura acabei descobrindo que mesmo não sendo expert eu poderia tirar algo do que estava lendo.
O amor nos deixa infinito.
O livro é dividido entre poesias do Rafael Vitti que sinceramente me surpreendeu pois gostei bastante das poesias dele e da forma como ele se expressa através delas e da Júlia Oristanio que diferente do Rafael não conseguiu me prender muito a atenção, ainda que ela possua uma escrita boa.

O livro traz poesias que como o titulo já diz, fala sobre o amor e suas nuances, seja ele romântico, feliz ou triste, com páginas bem coloridas e cada poema com suas próprias expressões e direções eu gostei bastante disso, a leitura do mesmo é fácil e rápida, mas para mim ficou faltando alguma coisa, principalmente na parte feita pela Júlia.
As pessoas  gostam de dizer o que sentem
mas não gostam de sentir.
Amor Roxo foi o primeiro livro de poesias que resenhei, eu não sabia bem o que esperar dele, num total eu realmente gostei do que vi, porém acredito poderia ter recebido um pouco mais. A capa do livro realmente me agradou ainda que básica e bem direta e acredito que gostei exatamente por isso, não encontrei nenhum problema de revisão, a diagramação do livro está espetacular e sem duvidas é um destaque do livro, com todas as diferentes fontes, e ilustrações. 

Classificando:

Nenhum comentário:

Postar um comentário