12 de abril de 2017

Resenha: O Sol Também É Uma Estrela - Nicola Yoon

Título: O Sol Também É Uma Estrela (The Sun Is Also A Star)
Autor: Nicola Yoon
Editora: Arqueiro
Ano: 2017
Páginas: 288
Livro cedido pela editora para leitura
Natasha: Sou uma garota que acredita na ciência e nos fatos. Não acredito na sorte. Nem no destino. Muito menos em sonhos que nunca se tornarão realidade. Não sou o tipo de garota que se apaixona perdidamente por um garoto bonito que encontra numa rua movimentada de Nova York. Não quando minha família está a 12 horas de ser deportada para a Jamaica. Apaixonar-me por ele não pode ser a minha história.
Daniel: Sou um bom filho e um bom aluno. Sempre estive à altura das grandes expectativas dos meus pais. Nunca me permiti ser o poeta. Nem o sonhador. Mas, quando a vi, esqueci de tudo isso. Há alguma coisa em Natasha que me faz pensar que o destino tem algo extraordinário reservado para nós dois.
O Universo: Cada momento de nossas vidas nos trouxe a este instante único. Há um milhão de futuros diante de nós. Qual deles se tornará realidade?

Quando a arqueiro anunciou esse livro fiquei ansiosíssimo para ler, afinal de contas a autora está fazendo um sucesso enorme lá fora e um de seus livros já foi adaptado para o cinema de deve estrear ainda esse ano. Quando eu vi essa capa e essa sinopse não resisti e solicitei o livro a arqueiro e logo que eu pude o li.

Natasha não sabe mais o que fazer, ela ainda não acredita no que esta prestes a acontecer, por causa de erro do seu pai toda a sua família terá de pagar, eles são imigrantes ilegais nos Estados Unidos e agora estão prestes a serem deportados de volta para a Jamaica, mas Natasha não pretende desistir tão facilmente, ela tentará tudo o que for possível para que ela possa continuar nos Estados Unidos.
Hoje é minha última chance de tentar convencer alguém — ou o destino  — a me ajudar a descobrir um modo de ficar nos Estados Unidos.
Só para esclarecer: não acredito no destino. Mas estou desesperada.
Daniel é filho de imigrantes coreanos, nascido nos Estados Unidos sempre foi um ótimo filho, um ótimo aluno, mas nunca conseguiu deixar de estar a sombra de seu irmão mais velho, mas as coisas parecem mudar quando ele acaba sendo suspenso da universidade, mas o que Daniel acreditava que seria bom se torna uma situação chata pois todas as atenções e expectativas estão sob ele agora, mas o que os pais dele querem para ele, não exatamente o que ele quer para sua vida.
Charles Jae Won Bae, vulgo Charlie, meu irmão mais velho, primogênito de um primogênito, surpreendeu meus pais (e os amigos deles, e também toda a fofoqueira comunidade coreana de Flusing, Nova York) ao ser expulso da Universidade de Harvard...
Enquanto Natasha segue seu caminho em busca de uma forma de não ser deportada, Daniel segue até a sua entrevista que garantirá a entrada dele na universidade, mas o destino conspira a favor e os caminhos dos dois acabam se cruzando, Daniel se vê envolvido por Natasha enquanto ela tenta evita-lo já que ao que tudo indica ela está de partida, mas o universo tem sua forma de trabalhar coisas e esse dia irá mudar a vida dos dois.

Que livro maravilhoso é esse gente? A leitura foi tão gostosa que eu não queria para de ler, super bem escrito ainda que seja dividido em vários pontos de vista, em nenhum momento isso se faz um problema na verdade se faz uma qualidade, os personagens são simplesmente muito encantadores, a Natasha que é um garota da ciência e um pouco cética acaba se abrindo para o Daniel é pura emoção, se torna impossível não se apegar e torcer pelos protagonistas da história.
— E aí você aparece. Hoje de manhã eu não conhecia você; agora não me lembro de quando não conhecia você. É tudo um pouco demais. Estou me sentindo fora de controle.
A Nicola me impressionou com esse livro principalmente por abordar em seu livro de forma tão delicada e ao mesmo tempo verdadeira, o preconceito que existe dentro das próprias comunidades negras e coreanas, essas que já sofrem tanto e não deveriam propagar preconceitos, mas que mesmo assim vale a pena enfrentar tudo isso para estar com uma pessoa que você gosta. Ahh antes que eu esqueça, Irene eu te amo!

O Sol Também É Uma Estrela é uma leitura que sem dúvidas vai te deixar maravilhado, principalmente quando perceber que o universo trabalha para que as coisas aconteçam no momento certo e que o amor pode surgir do lugar mais inesperado. A capa desse livro é simplesmente maravilhosa, como não amar essa arte supor bem feita da Arqueiro? Não encontrei nenhum problema de revisão no livro, a diagramação do livro bom dando destaque para as aberturas de capítulo e a fonte tem um tamanho agradável a leitura.

Classificando:

Nenhum comentário:

Postar um comentário