20 de abril de 2017

Resenhando Filme: A Grande Muralha

Título: A Grande Muralha (The Great Wall)
Direção: Zhang Yimou
Gênero: Aventura
Duração: 104 min. 
Lançamento: 23 de Fevereiro de 2017
No século XV, um grupo de soldados britânicos está combatendo na China e se depara com o início das construções da Grande Muralha. Aos poucos eles percebem que o intuito não é apenas proteger a população do inimigo mongol e que a construção esconde na verdade um grande segredo.






Eu adoro esse filmes com bases em outras nacionalidades, e logo fiquei louco para ver esse, mesmo tendo a breve desconfiança que ele seria mais um daqueles filmes americanos sobre outros povos, onde o estrangeiro é protagonista e os povos coadjuvantes. A vontade de ir ver o filme aumento ainda mais quando arranjei uma companhia mais do boa para vê-lo.

William e Tovar são mercenários e estão numa viagem em busca do famoso pó negro, que é nada mais o que pólvora, numa noite sua caravana é atacada por um monstro que depois de devorar muitos deus seus companheiros é morta por William, eles dois seguem seu caminho até que são alcançado por homens a cavalo, logo eles se vem em frete a uma muralha e eles devem decidir  quem se render.

Eles decidem por se render aos guardas da muralha, dentro da muralha eles explicam o que estavam fazendo e logo os homens se interessam pela história de William que matou um monstro, logo eles explicam que o monstro é um Tao Tei, o verdadeiro motivo de a muralha existir, esses monstros surgem a cada 60 anos e devoram tudo o que encontram pela frente.

William e Tovar se veem envolvidos na batalha dos chineses enquanto tentam encontrar um jeito de conseguir ter acesso ao pó negro, mas logo William decide se unir ao chineses para tentar acabar com a ameaça Tao Tei e para isso ele usará de toda a sua astúcia de mercenário e talvez terá de mudar um pouco a sua concepção de ver a vida.

Olha eu esperava que o filme fosse ser um completo desastre porém, pasmem o filme me agradou muito, a fotografia do filme é maravilhosa, os efeitos especiais estão muito bons, o roteiro tem seus clichês mas não é de um todo ruim, mas o destaque vai mesmo para o figurino, que figurino fantástico que esse filme tem gent.

A Grande Muralha conseguiu se sair melhor do que eu esperava, claro que vemos no filme "o héroi branco", mas ainda assim a outra cultura não completamente posta em escanteio, e adorei ter uma mulher com papel central e forte, vale a pena dar uma chance ao filme.

— Adorei as roupas estilo Power Rangers dos guardas;
— Mulheres no comando mulheres no poder ♪;
Game Of Thrones invadindo o cinema;
— Porque o chineses são tão maravilhosos?;
— Esses Tao Teis são muito doido gente;
— Nunca em nenhuma hipótese leve o inimigo para casa;
— A companhia gostosa foi por conta de Vlad, aguardei ansiosamente por essa companhia! 💗

Classificando:

Nenhum comentário:

Postar um comentário