19 de junho de 2017

Resenhando Filme: Antes Que Eu Vá

Título: Antes Que Eu Vá (Before I Fall)
Direção: Ry Russo - Young
Gênero: Drama
Duração: 100 min
Lançamento: 18 de Maio de 2017.
Samantha Kingston (Zoey Deutch) é uma jovem que tem tudo o que uma jovem pode desejar da vida.. No entanto, essa vida perfeita chega a um final abrupto e repentino no dia 12 de fevereiro, um dia que seria um dia como outro qualquer se não fosse o dia de sua morte. Porém, segundos antes de realmente morrer, ela terá a oportunidade de mudar a sua última semana e, talvez, o seu destino.





Quando vi o trailer desse filme eu fiquei realmente muito interessado em vê-lo, o interesse fiou ainda maior quando soube que ele era uma adaptação literária, logo que o filme entrou em cartaz chamei um amigo e fui correndo pro cinema conferir o filme.

Samantha e suas amigas Lindsay, Izzy, Elody estão entre as garotas mais populares da escola, namoram os garotos mais populares e desejados da escola, elas tem tudo o que uma garota gostaria de ter e são tudo o que uma garota gostaria de ser e vivem em seu mundinho perfeito e feliz. Era 12 de fevereiro era para ser mais um dia como qualquer, mas não era, pois, era dia do cupido, e todas as garotas da escola ficam loucas esperando pelas rosas que receberam de seus admiradores. 

E não era diferente mara Sammy e suas amigas que vinham ganhando mais e mais rosas a cada ano e sempre apostavam quantas mais iriam receber a cada ano, mas esse dia não é tão bom para todos os alunos principalmente para aqueles que não se encaixam nos padrões ou são feitos de chacota, inclusive por Sammy e suas amigas, mas muitas vezes não é isso ser popular afinal? Zombar de quem não se encaixa no padrão?

A escola já estava eufórica pelo dia do cupido, e fica ainda mais quando Kent anuncia que vai dar uma festa, as meninas que não perdem uma festa marcam presença sem pestanejar, entretanto as coisas não saem como esperado na festa e elas decidem voltar para casa, mas elas acabam se envolvendo num grave acidente. Entretanto algo estranho acontece Samantha, acorda em sua cama e logo ela descobre que está vivendo o mesmo dia repetidamente, e que talvez haja a chance de mudar as coisas e fazer com que elas não aconteçam.

Então meu povo demorei a escrever o que achei sobre esse filme porque eu acabei criando uma relação de amor e ódio com ele, o roteiro é bem simplista, mas ao mesmo tempo aborta temas fortes como o bullying, amizade, relacionamento familiar e amoroso além de amor próprio, a fotografia do filme é linda e a trilha sonora é perfeita, eu vi dublado e a dublagem ficou muito ruim, o filme se sustenta bem para aqueles que não leram o livro que derivou o filme.

Eu realmente gostei muito do filme, da mensagem que ele quis transmitir, mas eu meio que descobri bem rápido o que tinha que acontecer no final, mas fiquei impactado como isso aconteceu e com isso fiquei feliz e triste ao mesmo tempo, e por isso o meu relacionamento de amor e ódio com o filme rsrs. Não li o livro então não posso dar minha opinião sobre quão fiel a adaptação ficou.

Antes Que Eu Vá é um daqueles filmes que você realmente não espera muito, mas ele consegue se sair bem no que se propõe e até agrada bastante, ainda que entregando o seu final com facilidade, a abordagem mesmo que leve de temas importantes dão mais qualidade ao filme.

Observações:
— Merchan básico da Apple;
— As vezes as pessoas são horríveis e nem percebem;
— A escola é a saudade e o pesadelo de muita gente, depende apenas de qual lado você esteve;
— Nunca é trade para mudar né?;
— As vezes a verdade doí;
— Eu fiquei impactado com o final do filme, achei injusto;
— Acho que terei que ler o livro algum dia;
— Lucas obrigado pela companhia.

Classificando:

Nenhum comentário:

Postar um comentário